Cante sem chorar!

13.11.08

Muita Sabedoria

Quero oferecer aos meus amigos, uma "reflexão sobre o amor", de Clarice Lispector com a qual eu muito concordo!

"Quando fazemos tudo para que nos amem e não conseguimos, resta-nos um último recurso: não fazer mais nada. Por isso, digo, quando não obtivermos o amor, o afeto ou a ternura que havíamos solicitado, melhor será desistirmos e procurar mais adiante os sentimentos que nos negaram.

Não fazer esforços inúteis, pois o amor nasce, ou não, espontaneamente, mas nunca por força de imposição. Às vezes, é inútil esforçar-se demais, nada se consegue;outras vezes, nada damos e o amor se rende aos nossos pés. Os sentimentos são sempre uma surpresa. Nunca foram uma caridade mendigada, uma compaixão ou um favor concedido. Quase sempre amamos a quem nos ama mal, e desprezamos quem melhor nos quer. Assim, repito, quando tivermos feito tudo para conseguir um amor, e falhado, resta-nos um só caminho...o de mais nada fazer."
E,para não dizer que não falei de flores!









9 comentários:

Gazeta na net disse...

Olá amiga,
Bonita reflexão, sabes o amor deve ser gratuito e de coração, não deve nunca ser tratado como um objecto que dizemos, “ok tudo bem eu dou-te”. Mas também deve ser construído, não chegar perto de alguém e esperar que essa pessoa nos ame do dia para a noite.
Eu sei que o amor é o sentimento que requer consenso, ou seja ambos têm de estar de acordo, por isso ser tão complicado.
Gostei da tua reflexão, e um tema muito importante, parabéns e obrigado por isso
Fica bem
Beijos perfumados

Fabiola... disse...

Que texto mais lindo...
Amei... Por muito tempo lutei por um amor e realmente foi o pior q eu fiz.
Hj faço exatamente como em seu texto, espero ele vir até a mim, é dificil, mas não impossivel...
Amei seu Blog!!!

C. Biasucci disse...

perdi a essencia do amor.
nao duvido da existencia dele, mas nao consigo senti-lo.

SER HUMANO x AMOR VERDADEIRO.

hoje em dia parece tao imisciveis quanto agua e oleo.

R.Vinicius disse...

Não conhecia este texto dela. Muito reflexivo. Vou refletir sobre o texto, absorvê-lo. :)

Abraço,

P.S- Belas flores.

R.Vinicius

BRUNO LEONARDO disse...

Oi,linda
Clarice às vezes nos surpreende!
Neste texto ela deixa claro que não devemos lutar por amor...incoerência com outros texts??Não!!Linguagem de poeta!E lindo,por sinal!

Beijo,querida

Patrícia Andréa disse...

Bonito

R.Vinicius disse...

Bom dia :)

"O sol nasceu sorrindo
por entre nuvens brancas
e o céu se retorcia de ciúme
no seu azul."

Abraço,

R.Vinicius

maisprosadoqueverso disse...

Priscila,

Clarice é Clarice... Adoro-a e adorei ver esse trecho aqui no seu blog.

Bjo.

cantodeprosear disse...

Ando tão corrida, mas tããããããão corrida que não tenho conseguido comentar os blogs que gosto de acompanhar, apesar de sempre passar por aqui.

Lindo o texto da Clarice e você nos presentear com essas sábias palavras.

Fique bem. Bjo, Cláudia